Ao que se foi… Papai



Pâmela Munique Lithg

Não sei falar o tanto que a ele me liguei
Nem o tanto que dele tenho saudade
Sei apenas que nesta vida jamais o verei
E não mais terei essa felicidade

vi tudo tão natural quando a morte
O levou de vez da minha vida
Só hoje sinto a dor dessa má sorte
Não o tendo aqui dando guarida

Receio que partiu desapontado comigo
Por minha indiferença aos conselhos dados
Arrependida quero tomar já o abrigo
Dos sábios ensinamentos deixados

Não consigo mais estancar o pranto
Que a cada dia aumentando vai
Deus meu , como sinto tanto
A falta de meu pai!!

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Convidados. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s