A Fé


Muitas vezes sinto em mim uma tendência ao pessimismo, a pensar que nada dará certo mesmo e que tudo está fadado ao fracasso. Numa reação quase imediata entra em cena a presença da minha tão querida fé. Uma fé indubitável, irrefutável, inquestionável, que diz simplesmente: vá, este é o seu caminho. E assim me sinto seguro em percorrer minha jornada por tudo aquilo que me destino me traz.

Perceba que esta resposta não surge sem motivo, razão ou circunstância. Ela surge como pergunta de uma pergunta incessante, persistente, quase eterna: Pai, qual é meu caminho? Seguido de um pedido singelo e ao mesmo tempo desafiador: Mostre-me, meu Pai, os caminhos por onde meus pés devem seguir.

E como pirilampos em noite de lua-nova, lanternas se acendem mostrando-me o caminho seguro e perene, mostrando-me as pegadas deixadas a me orientar. E por ali vou, pelo caminho sigo, certo de o destino se aproxima a cada passo percorrido com muita gratidão.

Creio que seja esta minha fonte de tão persistente otimismo para com a vida, do brilho no olhar, da gargalhada sincera na companhia de meus queridos amigos.

E assim, só assim, vou.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Texto Livre. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s