Sinais


E foi assim que vi sinais no céu.

Naquela noite tudo era breu, um pequeno traço curvo, como o espelho do Sol, proeminente, naquela borda gestante.

Era o início de uma nova fase. Sete dias se passavam de escuridão, agora a luz voltava a forma tomar, delicada, ainda sinuosa, fina. Agora outros sete virão, até que no céu se tenha um medalhão. Dourado, elegante, etéreo, marcante.

Havia, um pouco abaixo, uma pequena explosão de luz. Sempre uma pequena marca de onde não se perde, onde nas negras noite dos 7 dias sem luz traz a sedução, enseja o desejo do que a próxima fase trará, do que em 7 dias virá.

Aquele manto escuro que calava a noite começa ser lacerado. Um risco, uma linha brilhante surge quando fixo o olhar na imensidão. Logo some, desfaz, como se nunca tivesse existido, vira pó.

Vi, no céu, o símbolo sagrado. De joelhos caí. Num turbilhão de pensamentos a vida revi, revivi, naquela tela que milhões de antigas histórias conhece, mostra, conta, só ela. De joelhos, com o firmamento sobre minha cabeça de estrelas iluminado, pedi em pensamento. Lancei ao espaço palavras em prece, como lanças na imensidão. Fito o breu, nada voltaria à visão.

Vi o caminho de senhoras que ao pé da cruz estiveram. Evoquei à memória lembranças de figuras que daqueles exemplos fizeram suas vidas. Fortes, inabaláveis, indeléveis. Exemplos vivos. Aquelas que se cobrem com seus mantos azuis quando as lamparinas se apagam, mas sabem que logo ali a luz da vida novamente se mostrará como farol no mar.

Ali estava a história da vida. Sete se passaram, sete maiores virão.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Texto Livre. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s