Voltar


Uma das melhores sensações da vida é ter para onde voltar. Navegar é preciso, mas ter para onde voltar é essencial. Viajar tendo para onde voltar. Hoje eu não tenho.

Talvez um treino para isso fossem os acampamentos, as trilhas percorridas a pé, dormir em barracas no chão, banho de água fria, sem falar na ausência de banheiros em acampamentos mais selvagens. Alguns dias nessas condições, e não precisam ser muitos, bastam para que se dê o devido valor a pequenos luxos, como uma cama macia e um chuveiro quente, ou mesmo um teto que abrigue da chuva.

Essas coisas tornam-se fantásticas! Quanto mais ter um lugar para voltar!

Ir, muitas vezes, é uma necessidade da vida, por vezes do coração. Voltar é uma necessidade da alma.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Texto Livre. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s